ATAQUE CARDÍACO É MAIS PERIGOSO QUANDO ACONTECE PELA MANHÃ

04/05/2011 07:13

 

 

Danos no tecido cardíaco podem chegar a ser 20% mais elevados em quem tem o infarto entre as 6 horas e o meio-dia

Pessoas que sofrem um ataque cardíaco logo pela manhã tendem a ter 20% mais danos no tecido cardíaco e sequelas mais graves. Uma pesquisa publicada no periódico Heart Journal afirma que os infartos que acontecem entre as 6 horas e o meio-dia são mais severos do que aqueles que acontecem nos demais horários do dia ou da noite.

Segundo o estudo, conduzido pelo Centro Nacional de Pesquisa Cardiovascular de Madri, na Espanha, em 811 pacientes, o ciclo natural do corpo de vigília e sono pode ser uma das resposta para a diferença. A equipe liderada por Borja Ibanez não conseguiu identificar, no entanto, quais os mecanismos exatos que fazem o infarto pela manhã ser mais perigoso.

Uma das hipóteses levantadas é que durante o ciclo circadiano (ritmo do corpo durante o período de 24 horas) possa acontecer flutuações no sistema nervoso, nos níveis de cortisol e em outros fatores que aumentem os riscos do ataque cardíaco. Há ainda a hipótese de que existam diferenças na maneira como as células do coração funcionam-nos diferentes horários do dia.

Pesquisa

Durante o estudo, descobriu-se que o grupo de pacientes que havia sofrido infarto pela manhã tinha os níveis das enzimas creatinoquinase e troponina 21% mais altos no sangue, quando comparados àquelas que tiveram o ataque em outro horário. Pela quantidade dessa enzima, os pesquisadores calculam que o coração de quem sofre um ataque cardíaco pela manhã acaba se danificando até um quinto mais.

 

FONTE: http://www.educacaofisica.com.br/noticias/ataque-cardiaco-e-mais-perigoso-quando-acontece-pela-manha

Voltar